sábado, 19 de abril de 2014

Pastoral

Editorial -  (Extraído: Bom Dia Amigo – Israel Belo de Azevedo)


                                               Confrontando o Conformismo

            A um homem, que precisava de saúde, Jesus convida: - Levante-se e venha para o meio.
            E o homem se levantou e veio para o centro do salão, ousadamente. Ao seu primeiro convite segue o segundo: - Estenda a mão. E o homem a estendeu, corajosamente.
            Na verdade, o convite ao homem era um desafio para todos, inclusive para o grupo dos que queriam flagrá-lo em alguma falha contra a legislação religiosa vigente. Este segundo grupo viu o poder de Deus em ação. Teve a oportunidade de pensar diferente, mas preferiu crer do modo antigo. Quando confrontado, preferiu se retirar.
            Jesus nos confronta quando estamos conformados com a nossa condição de vida atrofiada. Ele não quer que tenhamos vidas mirradas, mas vidas transbordantes. Ele não quer que tenhamos vidas escondidas, mas vidas que vivam no centro, na luz, corajosamente à vista de todos.
            Jesus nos confronta quando estamos fechados em nós mesmos, em nossos sistemas, mesmo religiosos, em nossos egoísmos. Quando ele cura o homem, ele espera que o ajudemos nesta tarefa, não que o atrapalhemos.
            Jesus nos confronta e espera uma resposta. Vamos lhe estender a mão?

Bom Domingo, Pr. Genilson, Carla e João Victor